Entrevista do Mês – Junho – Binho Carcarsci – organizador da Seletiva de Kart Petrobras


 


 

Junho marca o início da 17ª edição da Seletiva de Kart Petrobras. Nesta entrevista, Binho Carcasci conta sobre a manutenção do programa de orientação para os vencedores em 2015 e as expectativas para mais um evento. Confira!


1. Mais uma temporada e a Seletiva de Kart Petrobras chega a sua 17ª edição. Como é organizar um dos eventos com o patrocínio mais duradouro do esporte a motor no Brasil?
Primeiro de tudo é uma honra ter a confiança da Petrobras e da Petrobras Distribuidora para continuar um projeto tão duradouro. O desafio de realizar a Seletiva é grande, particularmente porque a evolução do esporte é muito dinâmica, as novas gerações de pilotos são formadas de garotos com uma mentalidade muito diferente daqueles de 17 anos atrás. O sonho ainda é mesmo, chegar à F-1, mas os caminhos são outros e a própria F-1 é muito diferente atualmente. Temos que ter esta visão e nos adaptarmos a cada ano.


2. Quais as datas e locais das etapas classificatórias e da final deste ano?
Como sempre tentamos fazer, buscamos os melhores campeonatos disponíveis para as etapas classificatórias, onde também possamos ter abrangência nacional, possibilitando acesso ao maior número de pilotos possível. Este ano estão programadas etapas em São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Maranhão, conforme este calendário abaixo, e a final será na Granja Viana, um kartódromo parceiro antigo da Seletiva de Kart Petrobras, onde realizamos inclusive a primeira final em 1999, e que continua sendo um dos mais bem estruturados do Brasil.


Fase Classificatória


27 de junho - 1ª etapa - Copa Petrobras Sorriso Campeão (Copa São Paulo Light de Kart) - Aldeia da Serra (SP)

25 de julho - 2ª etapa (Campeonato Brasileiro de Kart) - Velopark, Nova Santa Rita (RS)

29 de agosto - 3ª etapa (Copa Norte de Kart) - São Luís (MA)

17 de outubro - 4ª etapa (Copa Brasil de Kart) - Vespasiano (MG)

Final

3 e 4 de novembro - Kartódromo Granja Viana - Cotia (SP)

* Calendário sujeito a algumas alterações


3. O programa de orientação oferecido aos vencedores no ano passado será mantido? Como será a premiação em 2015?
Sim, o programa de orientação continua. Percebemos com apenas um ano que ele funciona. Alguns pequenos ajustes serão feitos, mas basicamente é o mesmo. Acompanhando agora os pilotos que passaram pelo programa em 2014, vemos que as lições passadas foram de grande valor para o que eles estão fazendo em 2015. O prêmio em dinheiro também continua, com R$ 64.000,00 indo para o campeão.



4. No balanço de 2014, como a mudança na premiação foi recebida pelos kartistas? Vocês acreditam ter atingido o objetivo esperado com o programa?
Como disse antes, acredito que atingimos nossos objetivos. Claro que não pretendemos que o programa deixe um piloto pronto para a F-1 em sete ou oito ações. O amadurecimento do piloto leva tempo e com ele acontece o aprendizado, mas as lições básicas para que isso aconteça da maneira correta e otimizando tempo e dinheiro foram feitas. Tivemos uma boa recepção dos kartistas e isso nos encorajou a mantermos o que está sendo feito.



5. Além da Petrobras e Petrobras Distribuidora, que são patrocinadoras da Seletiva, os demais parceiros do evento foram mantidos?
Temos a Bravar como um dos parceiros mais antigos, junto com a MG Pneus. Este ano teremos também a parceria do Kartódromo Granja Viana.