Entrevista do Mês – Julho – Gaetano Di Mauro – finalista da Seletiva de Kart Petrobras 2015


 


Confira a entrevista com o piloto paulista, de 17 anos, que disputará em novembro sua primeira final da Seletiva. Gaetano conquistou a vaga na primeira etapa classificatória, no mês passado, em Aldeia da Serra (SP), junto com Bruno Bertoncello e Zaiya Fontana.



1. Você vai disputar a final da Seletiva de Kart Petrobras pela primeira vez. Como está sua expectativa para a final? Já conversou com outros finalistas para saber como é a dinâmica do evento?

Minha expectativa está bem alta. Vai ser uma disputa bem legal com grandes pilotos. Conversei sim, sobre as corridas e como funciona o campeonato. Estou bem ansioso!!


2. Das ações do programa de orientação da Seletiva, tem alguma que te atraia mais, que gostaria de participar?

A que eu mais gostaria de participar é o treino de Fórmula Renault na Europa, que vai me aproximar de novo do monoposto.


3. Você correu fora do Brasil, na Fórmula 4, no ano passado, e acabou retornando. O que achou da experiência? Quais as maiores dificuldades?

É uma experiência e tanto. É um mundo bem diferente do que estamos acostumados, e soma muito na formação do piloto. As maiores dificuldades são a questão financeira e aprender a lidar com o povo de fora, que tem uma cabeça bem diferente da nossa. É como começar tudo de novo.


4. Espera voltar a correr de fórmula? Como estão seus planos para o futuro?

Com certeza, esse é meu foco. Eu vou continuar tentando até o fim. Eu ainda não tenho nada certo, mas penso em fazer a Fórmula 3 Europeia no próximo ano, e assim tentar dar continuidade nas próximas categorias.


5. Como foi seu início no kart? Teve a influência de alguém, algum familiar já corria?

Meu pai já corria quando eu era pequeno, e eu sempre pedia pra ir assisti-lo. Eu amava e ele sempre teve em mente me colocar no kart. Foi assim que eu comecei com quatro anos de idade.


6. Quem são seus ídolos no automobilismo?

Tenho três grandes ídolos: Ayrton Senna, Rubens Barrichello e Lewis Hamilton.