Entrevista LUCAS OKADA



O brasiliense Lucas Okada é um dos estreantes na final da Seletiva de Kart Petrobras. O piloto de 16 anos garantiu a vaga na terceira etapa classificatória, realizada em Cascavel (PR), em meados de outubro. E ficou surpreso ao ser comunicado sobre a conquista da vaga, pois tinha feito cálculos e achou que não tinha sido selecionado. Lucas demonstra uma timidez típica da idade, mas não vai deixar isso atrapalhar seu desenvolvimento nas pistas. Para a final, o jovem de Brasília tem o objetivo de vencer, mas não acha ruim se ficar no Top-3. Confira a entrevista com o piloto e suas expectativas para participar da decisão da 18ª edição.


1. É a sua primeira vez na final da Seletiva de Kart Petrobras, como foi para você conquistar a vaga e poder estar na final?

Foi muito disputada, pois pelos os meus cálculos, achei que não tinha a vaga para final, mas depois confirmaram para mim que tinha conquistado a vaga. Fiquei muito contente com a conquista. 


2. Como está sua expectativa para a decisão?

Ficar na melhor posição possível, entre os três primeiros, pois estou competindo com os melhores e mais experientes pilotos da categoria.   


3. A disputa da final da Seletiva tem um regulamento particular. Já chegou a olhar como funciona? Como pretende se preparar e quais campeonatos vai disputar até lá?

Sim já olhei. Pretendo fazer um treinamento específico, mas parecido com a corrida. Meu objetivo é a corrida na Granja Viana, na final da Seletiva. Até lá, ainda disputo o Campeonato Brasiliense e Goiano.

 

4. Quais os seus objetivos para o futuro da sua carreira? Como imagina sua trajetória no esporte?

Meu objetivo é fazer o máximo de corridas possíveis, conforme as condições. Imagino evoluir no esporte, trabalhando com seriedade e competência. 


5. Como analisa os seus concorrentes selecionados até agora? Você conhece, acompanha um pouco o que estão fazendo?

São pilotos competitivos e experientes. Conheço alguns, que sempre estão correndo em São Paulo, e em campeonatos nacionais.


6. Alguns dos finalistas têm mais idade e experiência que você, no que se refere a participações na final da Seletiva. Isso te preocupa? Como lida com essa questão?

Sim isso me preocupa um pouco, mas estou me preparando o melhor possível para alcançar o objetivo de ganhar.