COPA PETROBRAS SORRISO CAMPEÃO TERÁ CONFRONTO ENTRE CAMPEÕES DA SELETIVA

03/02/2006
Há menos de dois meses, eles estavam no mesmo lugar, lutando pelo mesmo objetivo: conquistar o prêmio da Seletiva de Kart Petrobras. A diferença é que, no ano passado, cada um competia por uma categoria diferente. Não houve confronto direto. Guilherme de Conto ficou com o cheque na Graduados A. Gabriel Dias levou o dinheiro oferecido ao campeão da Graduados B. O tempo se encarregou de promover o tira-teima. Neste domingo (5), em Interlagos, os dois paranaenses vão se enfrentar pela primeira vez na carreira. Gabriel Dias foi promovido para a principal categoria do kartismo brasileiro, a Graduados A, e nela vai encontrar seu conterrâneo Guilherme de Conto, que parte para a segunda temporada. O duelo de ambos, que pode dar início a uma rivalidade saudável, será durante a Copa Petrobras Sorriso Campeão, evento que abre a temporada do kartismo. Os treinos livres para o torneio começaram nesta sexta-feira (3), com uma série de novidades. A chegada de alguns pilotos às categorias imediatamente superiores, como é o caso de Gabriel Dias, foi a principal delas. A categoria Graduados A terá um ano inflado de bons nomes. Continuam na modalidade pilotos como Eduardo Leite, Rafael Suzuki e Felipe Pohletto, que vão encarar a concorrência dos recém-promovidos Douglas Hiar e Tales Dias, por exemplo. Sem contar o bicampeão da Copa Petrobras Sorriso Campeão, o paulista Mario Romancini, que vai competir pela Fórmula Renault em 2006 e fará sua despedida do kart neste fim de semana. Além do título, os pilotos perseguem as quatro vagas disponíveis para a final da Seletiva de Kart Petrobras (duas na Graduados A e duas na Graduados B) e os prêmios em dinheiro reservado para campeões e vices nas seis categorias do evento. As boas disputas não estão restritas ao grupo da Graduados A. Na categoria Graduados B também haverá uma espécie de “confronto de gerações”. Guilherme Camilo, vice-campeão da Seletiva de Kart Petrobras em 2005, ganhou dois novos rivais fortíssimos: Pedro Bianchini e Felipe Guimarães, dois adversários de longa data. Os primeiros treinos serviram para mostrar a força de três garotos na Júnior. Giancarlo Vilarinho, Henrique Martins e o colombiano Carlos Huertas registraram de forma constante os melhores tempos do dia. Eduardo Banzoli, na Júnior Menor, foi outro que se destacou. Com um ano de experiência, Matheus Chequer promete atormentar os rivais na Cadete, a categoria de entrada do kartismo paulista (é reservada para garotos entre 8 e 10 anos de idade). Os treinos livres prosseguem neste sábado (4) e as corridas estão previstas para domingo (5). No total, a quarta edição da Copa Petrobras Sorriso Campeão vai distribuir R$ 12 mil em prêmios. Sem nunca esquecer, é claro, dos personagens que quase nunca aparecem em destaque, mas são fundamentais para o trabalho de qualquer piloto: os mecânicos. Cada piloto inscrito no evento pode indicar até dois mecânicos que receberão tratamento odontológico básico gratuito durante um ano no Projeto Sorriso Campeão, uma ação social da Seletiva de Kart Petrobras. Os mecânicos podem incluir suas esposas e filhos de até 12 anos de idade no programa. A festa ainda prevê uma disputa particular entre os mecânicos. É o Desafio Petrobras de Equipes, que oferece R$ 1.200 para o time que trabalhar mais rápido nos karts. O segundo colocado receberá R$ 650.