MAXIMILIANO VIVOT VOLTA A VENCER E CHEGA À FINAL DA SELETIVA PETROBRAS

02/10/2007
O tempo foi justo com Maximiliano Vivot. Vencedor da quarta etapa do Campeonato Argentino de Kart, disputada neste domingo (30), em Mar del Plata, ele assegurou sua vaga para a final da Seletiva de Kart Petrobras, que será disputada nos dias 20 e 21 de novembro, em Piracicaba (SP), com prêmio de R$ 100 mil para o campeão. A conquista trouxe ao piloto uma chance que, por méritos, ele poderia ter recebido no ano passado. Ganhou a prova classificatória, mas não esteve na final porque ainda não tinha a idade permitida. O episódio só rendeu mais confiança, ele garante. “No ano passado, superei os mesmos pilotos e só não fui para a decisão porque o regulamento não permitia. Eu sabia que agora tinha chances e só precisava de uma boa corrida como aquela”, comemorou. Tão contente quanto ele estava o segundo colocado, Nicolas Cottignola, que mora em Entre Rios e sequer está fazendo o campeonato completo. Inscreveu-se na etapa exclusivamente para tentar uma vaga na Seletiva de Kart Petrobras. Como eram duas disponíveis, atingiu seu objetivo. Conscientes, os dois classificados evitaram manobras mais arriscadas nas últimas voltas. Antes disso, o pega era dos melhores no pelotão intermediário. O classificado do ano passado, Mattias Milla, largou em segundo lugar, atrás de Christian Discala, que havia vencido a primeira bateria. Logo na largada, assumiu a ponta e sumiu na frente dos adversários. Só foi visto novamente na nona das 25 voltas, quando teve problemas no pneu traseiro direito, que estava saindo da roda, e reduziu para levar aos boxes. Nem conseguiu chegar até lá. No caminho, foi atingido com violência por Alan Ruggiero, que era o mais rápido da pista, vinha em 4º lugar e acabou capotando com o toque. Os dois nada sofreram, mas abandonaram a prova, que foi interrompida com bandeira vermelha. Na relargada, a corrida já tinha seus favoritos praticamente definidos e nada mudou. Maximiliano Vivot e Nicolas Cottignola elevam para doze o número de nomes definidos para a final da Seletiva de Kart Petrobras. Restam apenas mais duas vagas que serão preenchidas no dia 21 de outubro, com a etapa Sul, em Porto Alegre (RS). Os argentinos mantém também um tabu. Desde que o evento passou a oferecer lugares para pilotos de fora do Brasil, jamais houve repetição um representante.