LEONARDO CORDEIRO E NICOLAS COSTA SÃO OS ÚLTIMOS FINALISTAS DA SELETIVA

05/10/2008
Duas histórias diferentes tiveram o mesmo final feliz neste sábado (4), no Kartódromo Internacional Aldeia da Serra, em Barueri (SP), durante a oitava etapa da Copa São Paulo Light de Kart. Na prova válida pela categoria Sprinter A, o paulista Leonardo Cordeiro e o carioca Nicolas Costa asseguraram os dois últimos lugares disponíveis na decisão da Seletiva de Kart Petrobras, que será realizada nos dias 25 e 26 de novembro, no Kartódromo Internacional Granja Viana, em Cotia (SP). Eles estarão no grupo dos doze melhores pilotos do país em busca do prêmio de R$ 100 mil oferecido ao campeão da Seletiva de Kart Petrobras. A vaga de Leonardo Cordeiro foi conquistada na raça: esta era a quarta tentativa dele no ano. “É um alívio. Depois de tudo o que aconteceu comigo, é muito bom estar classificado”, comemorou o piloto, que compete regularmente na Fórmula 3 Sul-Americana, mas voltava ao kart sempre que havia uma etapa classificatória a ser disputada. Na primeira tentativa, neste mesmo circuito, em fevereiro, fez a pole position e acabou desclassificado, caindo para o fundo do grid. Depois, sofreu com uma quebra em Porto Alegre (RS) e um erro na largada da corrida de São Luís (MA). E neste fim de semana também precisou superar dificuldades para atingir seu objetivo. “Na tomada de tempo, meu acerto não era o ideal e acabei ficando em terceiro, com dois pilotos muito rápidos na minha frente. Sabia que seria difícil vencer”, contou. Parte do trabalho ele fez na largada, conseguindo uma ultrapassagem sobre Bruno Andrade, pulando para o segundo lugar. Mais tarde, superou também o líder, Nicolas Costa, e não saiu mais da primeira posição. Já o adversário foi perdendo rendimento e chegou a perder a vice-liderança para João Horto. “O meu kart não tinha nada de motor”, reclamou. Mas a sorte tratou de recolocá-lo na zona de classificação: na última volta, João Horto parou com o kart quebrado. “Quando o vi parando, não conseguia acreditar. Eu olhava para trás e torcia para ninguém chegar em mim. Me classificar para a final da Seletiva de Kart Petrobras era um sonho antigo, mas eu nunca tive a oportunidade de disputar uma etapa classificatória. Desta vez, deu tudo certo e ainda fiquei com a vaga”, vibrou o último finalista, de 16 anos, que também não disputa o campeonato completo mas se inscreveu para tentar a classificação. Aliás, a possibilidade de garantir um lugar na briga pelo prêmio de R$ 100 mil movimentou a categoria Sprinter A, que viu seu grid dobrar em relação a etapa anterior, que não oferecia vagas: foram 26 karts inscritos. Um fato que motiva Nicolas Costa é a decisão estar marcada para um circuito que ele conhece bem: o carioca disputa campeonatos regularmente no Kartódromo Internacional Granja Viana. “Como há igualdade de equipamentos, isto pode ser uma vantagem”, concluiu. Nicolas Costa tornou-se o primeiro carioca a garantir vaga na final da Seletiva de Kart Petrobras desde 2003 (quando André Nicastro participou pela última vez). Agora, a lista dos participantes da decisão está completa, com os nomes de Felipe Nasr (DF), Douglas Hiar (SP), Vitor Teiji (SP), Felipe Guimarães (DF), Gabriel Navarrete (GO), Marcelo Anselmi (PR), Guilherme de Conto (PR), Pipo Derani (SP), Marcelo Medeiros (MA), Paulo Grassi (SP), Leonardo Cordeiro (SP) e Nicolas Costa (RJ).