No Maranhão, um tocantinense e uma carioca garantem suas vagas na final da Seletiva

06/10/2009
A penúltima etapa classificatória da Seletiva de Kart Petrobras, disputada neste domingo (6), em Imperatriz, no Maranhão, trouxe duas novidades à Seletiva de Kart Petrobras. Primeiro, o tocantinense Felipe Fraga, uma das principais revelações da modalidade no Brasil, que dominou o fim de semana inteiro, fez a pole position e ganhou as duas corridas da programação. Ele participará da disputa pelo prêmio de R$ 100 mil pela primeira vez. A outra foi a garota Luana Pedrosa. Desde 2003, com Bia Figueiredo, que uma mulher não conquistava uma posição entre os melhores pilotos do País. Diante da supremacia de Felipe Fraga, ela se concentrou em garantir a segunda das duas vagas disponíveis, que estava reservada àquele, ou àquela, que somasse mais pontos considerando as duas provas disputadas. Luana Pedrosa atingiu o objetivo com um segundo lugar na primeira bateria e um quarto na última corrida. Era uma estratégia inteligente. Felipe Fraga estava imbatível. A diferença dele, pole position, para ela, segunda colocada no grid, foi de três décimos. Para se ter uma ideia, a mesma diferença de tempo separava a menina de outros cinco garotos que apreciam na sequência. Todas as circunstancias ajudaram na classificação de Luana Pedrosa. Na primeira bateria, três pilotos considerados favoritos, que poderiam eventualmente ameaçá-la, ficaram pelo caminho. Marco Túlio, Johilton Filho e Igor Veras não receberam a bandeirada. Na prova seguinte, foi a vez de Lucas Foresti, piloto da Fórmula 3 Sul-Americana, enfrentar dificuldades: largou com uma volta de atraso em função de um problema na vela. Com um bom ritmo de corrida e a matemática nas mãos, Luana Pedrosa fez as contas. Enquanto Felipe Fraga garantia uma das vagas ao vencer, ela poderia até abrir mão do segundo lugar que se classificaria por pontos. Chegou em quarto. Além de sucesso entre os pilotos, a prova maranhense mexeu novamente com a região. "Mais uma vez a cidade de Imperatriz mostrou que é capaz de fazer desta etapa uma grande festa, que atrai atenção de muita gente, abre espaço na mídia”, elogiou Binho Carcasci, promotor da Seletiva de Kart Petrobras. Ele destacou a presença do prefeito da cidade, Sebastião Torres Madeira, e do presidente da Confederação Brasileira de Automobilismo, Cleyton Pinteiro. Resta apenas uma vaga para a final da Seletiva de Kart Petrobras e ela será decidida no próximo dia 10 de outubro, em Salvador, na Bahia. Até o momento, os classificados são os paulistas Eduardo Banzoli, Leonardo Cordeiro e Bruno Bonifácio, os paranaenses Claudio Cantelli, Pietro Fantin, Vitor Teiji e Jonathan Louis, o goiano Gabriel Navarrete, o baiano Vinícius Perdigão, o tocantinense Felipe Fraga e a carioca Luana Pedrosa. Na final, marcada para os dias 20 e 21 de outubro, em Volta Redonda (RJ), eles disputarão um prêmio de R$ 100 mil em igualdade de condições. Os cinco primeiros em Imperatriz 1 Felipe Fraga (TO), 22 pontos 2 Luana Pedrosa (RJ), 16 3 Lucas Foresti (DF), 13 4 Carlitos Eduardo (MA), 12 5 Johilton Filho (RN), 9